Procedimentos necessários para a regulamentação do estágio
E-mail Imprimir PDF

1)    Antes do início do estágio:

a)    O estudante deve obter informações sobre os procedimentos relacionados à formalização de Convênio e/ou assinatura de Termo de Compromisso junto à Central de Estágios do respectivo campus.
b)    O Supervisor de Estágio na UFT deverá realizar visita à possível Unidade Concedente, a fim de avaliar as condições do estágio, emitir parecer e encaminhá-lo à Central de Estágio do campus.
c)    O estudante deverá obter o parecer favorável do Supervisor de Estágio na UFT ou Professor de Estágio e, posteriormente, providenciar a assinatura do ‘TERMO DE COMPROMISSO’.
d)    Após a obtenção da assinatura e carimbo da Unidade Concedente, o estudante deverá entregar o Termo de Compromisso na Central de Estágios do campus para assinatura final da UFT. Deverão ser  entregues três (3) vias para assinatura.
e)    O estagiário deverá preencher o formulário ‘PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO OBRIGATÓRIO’, no computador, obter a assinatura do Supervisor da Unidade Concedente e entregar o documento na Central de Estágios, para assinatura da UFT.
f)    O Supervisor da Unidade Concedente deverá preencher o formulário ‘PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO NÃO-OBRIGATÓRIO’ em conformidade com a área de formação do estagiário e assiná-lo.
g)    Após a assinatura do Supervisor da Unidade Concedente, o estagiário deverá assinar o PLANO DE ATIVIDADES e encaminhá-lo, juntamente com o TERMO DE COMPROMISSO, à Central de Estágio do respectivo campus, para aprovação do Supervisor de Estágio e assinatura da Universidade.
h)    Não serão aceitos documentos com atraso ou manuscritos.

IMPORTANTE:   Somente serão validados os estágios realizados após a assinatura do Termo de Compromisso do estagiário pela Unidade Concedente e Universidade.

2) Após o início do estágio:

a)    O Supervisor de Estágio curricular deverá agendar reuniões periódicas com os alunos e Unidades Concedentes para acompanhamento dos estágios nessa modalidade.
b)    A Central de Estágios deve encaminhar à Unidade Concedente o calendário de avaliações acadêmicas do aluno-estagiário.
c)    O RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ESTÁGIO (obrigatório e não-obrigatório) deve ser feito no computador (formulário do Site), com vistas do Supervisor de Estágio na UFT e encaminhado à Central de Estágio do Campus a cada 6 (seis) meses ou 2 (dois) meses (quando a Unidade Concedente for um Órgão/Instituição Pública Federal, de acordo com a Orientação Normativa nº 07, de 30 de outubro de 2008).
d)    O PLANO DE ATIVIDADES DE ESTÁGIO (obrigatório e não obrigatório) deve ser refeito a cada período de avaliação  do estágio  (6 ou 2 meses  - ver condições específicas) e incorporado, por meio de aditivo, ao Termo de Compromisso.
e)    O Supervisor da Unidade Concedente deve fazer a avaliação do aluno/estagiário a cada 6 (seis) meses utilizando o FORMULÁRIO DE FICHA DE AVALIAÇÃO DO ESTAGIÁRIO PELO SUPERVISOR (estágio obrigatório e não-obrigatório), com vistas do estagiário, e encaminhá-lo à Central de Estágios do Campus.
f)     A Central de Estágios do Campus deve encaminhar ao Supervisor de Estágio na UFT a FICHA DE AVALIAÇÃO DO ESTAGIÁRIO PELO SUPERVISOR da Unidade Concedente.
g)     O Supervisor de Estágio na UFT deve avaliar o Estágio Não-Obrigatório do aluno utilizando a FICHA DE AVALIAÇÃO DO ESTAGIÁRIO PELO PROFESSOR E/OU SUPERVISOR, e encaminhá-lo para a Central de Estágios.
h)     A Central de Estágios deve encaminhar à SECRETARIA ACADÊMICA, ao final de cada período letivo, relatório informando a situação dos estudantes em atividades de Estágio Não-Obrigatório. Ao final das atividades de estágio, a Central de Estágios deverá enviar o dossiê do estagiário à Secretaria Acadêmica, contendo os Termos de Compromisso, Planos de Atividades e Fichas de Avaliação devidamente assinadas pelas partes competentes, para fins de inserção dos dados no histórico escolar do estagiário.
i)    A PROEST emitirá o CERTIFICADO DE ESTÁGIO para os estudantes da UFT somente quando a Unidade Concedente do Estágio for a própria Universidade, conforme Orientação Normativa nº7, de 30/10/08. Esse documento será encaminhado à Central de Estágios do campus ao qual o aluno está vinculado. O Certificado de Estágio não poderá ser expedido na hipótese de o estudante não obter aproveitamento satisfatório ou no caso de desligamento antecipado causado pelo estagiário.
j)    A Coordenação de Estágios da PROGRAD é responsável pela admissão, acompanhamento,  supervisão dos estagiários de outras instituições ou empresas que desejem estagiar na UFT, devendo assumir todas as atribuições inerentes ao gerenciamento da documentação e certificação do estágio.
k)    No caso de o estágio ser desenvolvido em órgãos e entidades da administração pública direta, autárquica e fundacional, que não a UFT, o estagiário deverá ter o acompanhamento efetivo do Supervisor de Estágio da área de conhecimento e por Supervisor da Unidade Concedente, comprovado por vistos nos relatórios bimestrais de atividades e por menção de aprovação final.  Juntamente com os referidos relatórios, a  entidade encaminhará à instituição de ensino o Certificado de Estágio, não podendo este ser expedido na hipótese em que o estudante não obtiver aproveitamento satisfatório ou no caso de desligamento antecipado causado pelo estagiário.

PROCEDIMENTOS QUE O ALUNO OU O PROFESSOR DE ESTÁGIO DEVERÁ REALIZAR PARA ACIONAR O SEGURO EM CASO DE ACIDENTE

 

ATENÇÃO: Os Acidentes que geram indenização são aqueles que ocasionam MORTE ou INVALIDEZ PERMANENTE ou PARCIAL.

 

1. Ligar na Central de Atendimento do Sinistro. Telefone: 08007047099 - (031) 3073-7300 HEMB SEGUROS - Corretora de Seguros falar com Patrícia. E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Acesse www.rsaseguros.com.br, clique em Fale com a RSA/Ouvidoria e envie sua mensagem.

A central vai orientar respeito da documentação necessária;

2. O aluno deverá entrar em contato com a Ouvidoria da RSA Seguros;

3. A RSA Seguros tem até 30 dias para analisar e emitir um parecer;

4. O parecer sendo favorável, o segurado será pago, caso seja recusado, a Empresa emitirá a Carta Recusa explicando os motivos da não aceitação.

 

OBS: Estes procedimentos são para conhecimento de todas as partes envolvidas, Professores, Alunos, Centrais de Estágios, Coordenadores de Cursos e de Estágio.

Open publication - Free publishing - More uft
Open publication - Free publishing - More uft